01/02/2017
Cuidando de quem amo
Quem ama, cuida; quem ama, ora; quem ama, ensina; quem ama, perdoa; quem ama está disposto a se sacrificar em favor dos seus
Solimar Coelho

A Bíblia é clara quando se refere ao cuidado daqueles que amamos. “Mas, se alguém não cuida dos seus, e principalmentedos de sua família, negou a fé,e é pior que o incrédulo” ( I Tm 5.8). Que palavra dura! Cuidar não é somente suprir as necessidades básicas (alimentar, vestir, calçar etc).Cuidar é: tratar, assistir, tomar conta, vigiar, velar, medicar.

Como pode alguém que é cristão ser pior que um incrédulo? Como pode alguém em quem julgamos habitar o Espírito Santo, acreditamos estar lavado pelo sangue do Cordeiro, julgamos ser nascido de novo, ser cidadão do Reino de Deus, ser pior que o descrente? 

Pois é... Pode. Como isso é possível?  – “negou a fé”, possui a fé, mas não a pratica. O marido que não ora por sua esposa não a ama como Cristo amou a igreja, falta com a devida atenção, humilha com atos e palavras, maltrata, espanca sua mulher, está negando a fé (Ef 5.25-35). A esposa que não é submissa, negligencia os cuidados ao marido, não direciona os encantos femininos para ele, não é sábia, não cuida da casa, não cuida dos filhos, que se conduz inconvenientemente, está negando a fé (Ef 5.21-24). Os pais que irritam seus filhos, não lhes dão amor, não os instrui, não os conduzem a uma experiência real com Deus, não ensinam o caminho que devem andar, estão negando a fé (Ef 6.4). Os filhos que desrespeitam e não honram os pais, são desobedinentes, não cumprem com suas tarefas, de igual forma, estão negando a fé (Ef 6.1-3). Se você é solteiro ou já enviuvou, passou pelo divórcio, pode pensar que não se enquadra neste ensino. Porém, deve estar igualmente atento, pois o mandamento do amor não está restrito apenas aos casados. "Ter cuidado dos seus" é querer e agir em favor de todos em ordem de proximidade e possibilidade (Sl 68.6a). 

Como cristãos, temos de abrir os olhos e a boca para interceder pelas nossas famílias, porque esta é a vontade do Senhor. Ele ouve as nossas petições. Emmet Fox disse o seguinte: “Não há dificuldade que o amor não supere; nem doença grave demais que o amor não cure; nenhuma porta que o amor não abra; nem abismo sobre o qual ele não possa colocar uma ponte, não há pecado que o amor não redima”.

Quem ama, cuida; quem ama, ora; quem ama, ensina; quem ama, perdoa; quem ama está disposto a se sacrificar em favor dos seus. Você está disposto?

Deus te abençoe, com carinho.

Solimar Coelho é colunista do caderno Voz de Mulher, do jornal Voz Wesleyana

 

MAIS LIDAS

Minha família e o tempo de Deus
O nosso maior inimigo somos nós mesmos e nossa ansiedade


Cuidando de quem amo
Cuidar não é apenas suprir necessidades básicas


Transformando minha família
Como nos lembramos de nossa casa?


Voz de Autoridade
Como desenvolvê-la com os filhos


Amar é uma escolha
Amar não é fácil, mas é totalmente possível



NOVIDADES
WTV

 FACEBOOK  WTV  NEWS
Centro de Publicações da Igreja Metodista Wesleyana com sede na Avenida Venâncio, 17 - Xerém
- Duque de Caxias - RJ - CEP 25245-500 | CNPJ: 15.732.218/0001-08

© Todos os direitos reservados. 2016